Facebook

Jornal do Bairro Alto

Liberada com ressalvas a travessia da ponte que leva a Pinhais pela Integração

 

A travessia é feita em meia pista, exigindo atenção dos motoristas. Conforme o movimento, um sistema de semáforos controla a passagem dos veículos, ora liberando um lado, ora outro. Na maior parte do dia há apenas sinalização de alerta. De qualquer forma, os motoristas precisam estar atentos e não abusar da velocidade no local, até porque há homens trabalhando no alargamento da ponte.
O encarregado da obra, Orfeu Aparecido de Carvalho, mais uma vez lembrou que a cabeceira da ponte estava a um passo de ruir. “Estava sendo sustentada apenas por uma leve camada de asfalto. Não sei se resistiria a mais uma chuva. Poderia acontecer uma tragédia aí”, disse.
As obras de alargamento, que acrescentarão passagens para pedestres e ciclistas, estão a cargo da empresa Mavillis Construções. Pelos cálculos de Orfeu, a ponte nova será entregue em fins de novembro ou começo de dezembro.
A obra é parte do Programa de Aceleração Econômica (PAC), executada com recursos do governo federal, com participação da Comec e custará um total de R$ 12.046.471,26

Rua Antonio Cândido Cavalin, 43 - Sala 01 - Bairro Alto - Curitiba - Paraná

CEP 82820-300 - Fone: 41 3367-5874