Facebook

Jornal do Bairro Alto

Prevenção ainda é o remédio mais barato para saúde bucal

 

No Bairro Alto, há cinco anos, Paulo Roberto da Silva conhece bem as flutuações da sua clientela. Odontólogo experiente, ele já se acostumou a ser procurado apenas quando o paciente não tem outra saída. Apesar da recomendação constante dos profissionais do setor, pouca gente faz as visitas preventivas ao dentista. A esperança é que esse comportamento mude aos poucos e o cuidado com os dentes seja encarado como uma questão de saúde.

Paulo Roberto é formado em Odontologia pela Universidade Federal do Paraná, em 1983, e abriu o consultório no Bairro Alto em 2011.  Segundo ele, o bairro foi escolhido pelo potencial de clientes, já que tem uma grande população. “Mesmo que o Bairro Alto seja visto muitas vezes como de renda mais modesta, há uma grande quantidade de pessoas que precisam de serviços odontológicos”, justificou. Justamente essa característica faz com que a maioria dos pacientes recorra ao consultório apenas quando está com dor de dente e, às vezes, exige um trabalho mais complexo. “Prevenção ainda é mais barato. Visitas anuais ao dentista podem evitar muitos problemas e gastos”, reforça o dentista.

Adultos com mais de 40 anos estão entre a maior parte dos clientes de Paulo Roberto. Ele conta que a causa maior dos problemas dentários é a falta de uma higiene adequada dos dentes. “Muitas pessoas não escovam os dentes direito. Isso pode acarretar problemas de gengivas e a perda dos dentes. Muitos dos pacientes têm acúmulo de tártaro e se torna necessário fazer a raspagem para uma boa limpeza”, explicou. Entre os clientes mais velhos, outro problema frequente é causado pelo cigarro. “Tem diminuído o número de fumantes, mas ainda são comuns. O que acontece é que a fumaça quente do cigarro causa danos à gengiva dos dentes inferiores, como uma queimadura. Como o fumante não vai abandonar o cigarro, eu sempre aconselho que ele evite deixar o cigarro na ponta dos lábios. Isso já evita o contato da fumaça quente com a gengiva. Não resolve, mas diminui o problema”, recomenda o dentista. O Dr. Paulo Roberto faz diversos trabalhos, como colocação de prótese fixa ou móvel, implantes, clareamento, limpeza, tratamento de gengivas entre outros.  O  consultório fica na rua Alberico Flores Bueno, 221, loja 3. Fones 3262-4793 ou 9231-0828

Rua Antonio Cândido Cavalin, 43 - Sala 01 - Bairro Alto - Curitiba - Paraná

CEP 82820-300 - Fone: 41 3367-5874