Ralo oculto: para quais ambientes ele é ideal?

Optar pelo ralo oculto é a garantia de um acabamento impecável para a reforma ou construção dos imóveis, sejam eles residenciais ou comerciais.

Embora algumas pessoas não se atentem a esse detalhe, ele é fundamental não apenas para deixar a decoração mais clean, como também permitir um sistema de drenagem eficiente.

Portanto, se você ainda tem dúvidas sobre qual modelo escolher, continue a leitura deste post e descubra as vantagens dessa versão sofisticada e moderna de ralos.

O que é e como funciona o ralo invisível?

De fato, a função desse tipo de ralo é a mesma dos demais modelos, que é realizar o escoamento da água.

Porém, quanto à sua estética, é considerado o mais elegante e sofisticado, uma vez que se integra ao ambiente de maneira praticamente imperceptível.

A passagem da água nesse tipo de ralo acontece por meio de uma pequena fresta entre o piso e a tampa que fica sobre o gradil.

Ou seja, este acessório é composto da parte interna, que é o gradil que retém os resíduos sólidos, como restos de sabonete e cabelo.

E a externa, que é a tampa que deve ser instalada na mesma altura que o piso, se encaixando perfeitamente, contribuindo para um visual mais harmonioso e elegante.

Tipos de ralo oculto

Existem atualmente no mercado dois modelos de ralo oculto, que são: o quadrado e o linear.

Antes de definir qual deles será utilizado, o profissional deve analisar o projeto, ou seja, se a ideia é colocar o ralo no centro do cômodo, o ideal é optar pelo quadrado.

No entanto, se a aplicação for nas proximidades de uma lateral, a melhor escolha é o modelo linear.

Para que você possa decidir entre um e outro, conheça as peculiaridades de cada um:

Quadrado: certamente, esse é o modelo mais comum no mercado e possui as seguintes medidas padrão: 10×10 cm e 15×15 cm.

Pelo fato de possuir dimensões menores e ser bem discreto, é uma das escolhas preferidas para espaços pequenos e geralmente é instalado na parte central dos ambientes.

Linear: como o próprio nome diz, esse tipo de ralo é mais alongado e fino, por isso é ideal para espaços maiores, como cozinhas, áreas de serviço e banheiro.

A composição do ralo invisível é de uma grelha metálica, que fica na parte interna da instalação e de uma tampa que é revestida pelo mesmo piso do espaço.

Como é feita a instalação desse tipo de ralo?

A instalação do ralo deve ser feita por um profissional qualificado, garantindo assim a qualidade do serviço e um acabamento impecável para a área escolhida.

Assim sendo, é fundamental que algumas instruções sejam seguidas para que o resultado saia como o esperado. Veja!

  1. Antes de mais nada, é preciso fazer o recorte do revestimento que será instalado na base do ralo, permitindo sua camuflagem no piso.
  2. O próximo passo é deixar o recorte no chão para que o ralo possa ser instalado, para isso é preciso conhecer o projeto hidráulico da residência.
  3. Nessa etapa é feita a colocação do ralo no contrapiso, utilizando para isso um pouco de argamassa, encaixando a parte arredondada do ralo à caixa sifonada.
  4. É nessa hora que o revestimento que foi reservado no primeiro passo é utilizado. Com uma pequena quantidade de argamassa é possível fixar o recorte na tampa oca do ralo.
  5. Por fim, basta fazer a limpeza da argamassa e colocar a tampa sobre a base do ralo.

Fazendo a limpeza do ralo oculto

Certamente, uma das principais vantagens desse modelo de ralo é a facilidade na hora de fazer a sua limpeza.

Isso porque esse produto possui um acessório interno que facilita a sua retirada, além de reter cabelos e demais dejetos, como gordura corporal e restos de sabonete.

De tal forma que, para uma boa higienização do ralo, pasta remover essa base e em seguida utilizar um pouco de detergente e uma escovinha para retirar todas as impurezas ali retidas.

Não deixe o ralo oculto muito sujo, se você está deixando a barba crescer ou fazendo tratamento para queda de cabelo, é muito importante que limpe regulamente e evite entupimento.

Em quais ambientes esse sistema de drenagem pode ser usado?

Banheiro: devido a descrição desse tipo de ralo, pode ser usado não apenas dentro do boxe, mas também na parte externa, facilitando ainda mais a limpeza e dando mais requinte à decoração.

Varandas e áreas externas: nesses ambientes podem ocorrer possíveis alagamentos por causa das chuvas, por esse motivo o modelo linear é uma excelente escolha.

Para não interferir na decoração, a melhor alternativa é o tipo oculto, que fica bem camuflado no piso.

Piscina: sem dúvida, essa é a melhor opção para piscinas, já que permite a evacuação de água, permitindo que estejam sempre cheias.

Além disso, esse tipo de ralo é ideal para quem deseja aderir à borda infinita para a piscina de sua casa ou imóvel.

Não há dúvidas que o ralo oculto é uma alternativa que veio para ficar, uma vez que as instalações estão mais modernas e minimalistas.

Por isso, se você está construindo ou reformando, não deixe de conhecer as novidades em acabamento, como os diferentes tipos de ralo disponíveis no mercado.